quarta-feira, 27 de novembro de 2013

PS ou F3?

Resumidamente, um inglês de pouca idade resolveu tirar um ano sabático jogando videogame. Simulador de corrida de carro. Foi visto por alguém e chamado pra participar de um programa de novos pilotos da Nissan. Daquele tipo em que os pilotos correm em duplas - um gentleman driver e um professional driver. O inglês de pouca idade andou como gentleman. Nunca tinha participado de corridas de carro antes. Tiveram que reclassificá-lo porque a dupla ficou muito forte. Jann Mardenborough, é o nome do jovem inglês. Vai andar (ou já andou) nas 24 horas de Le Mans, tá andando de F3. Nunca tinha andado de carro de corrida antes. Só de videogame.

Então, adeus kart como primeiro patamar na formação de um piloto de competição.

Só podia dar nisso. Não tem mais categoria de competição, seja kart ou carro, que tenha o cunho de formar pilotos. Pelo menos no Brasil não tem. Todas tendem a ser como os campeonatos de kart de endurance da Granja Vianna, a Stock Car, o Brasileiro de Marcas e as categorias exclusivas para gentleman drivers, como Porsche Cup, Mercedes Cup, Audi Cup e Mitsubishi Cup (os nomes podem variar mas o resultado é o mesmo), que não tem preparadores e sim um único fornecedor de tudo: motores, chassis, revisões e o escambau. E tem vários campeonatos virtuais de automobilismo, todos com custo muito baixo (se não for zero) e que, vê-se agora, acabam formando uma massa crítica de pilotos de... Playstation.

O mais incrível é que isso não é demérito. Olha só o Jann Mardenborough: