sexta-feira, 25 de maio de 2012

Puma & moda


Pumas sempre foram carros bonitos. Especialmente os que tinham motor VW a ar e fabricados entre 1976 e meados de 1980. Não por acaso, tenho um desses.

Por mim, é um design que não comporta modificações a menos que muito bem estudadas e executadas. Deixemos então o carrinho lindo no modo original de fábrica que a chance de errar é inexistente.

Mas sempre tem a moda do momento na questão da modificação de um carro que, em última análise, pode ser idêntico ao do vizinho.

Foi o caso do Puma da foto aí de cima, cedida pelo Felipe Nicoliello, dono do Puma Classic, referência em Pumas no mundo todo, quiçá no universo e além.

Esse GTE, provavelmente de 1977, está equipado com rodas de aro 13, provavelmente de 6 polegadas de largura na dianteira e 8 polegadas na traseira além de pneus Pirelli CN 36 na medida 175/70R13 na traseira (na frente provavelmente também - a foto não tem definição suficiente). Bem condizente com o que se fazia na época. Além do quê, o carro tem teto solar Karmann Webasto. Não sei por que mas algo me diz que ele tem toca-fitas TKR (o da cara preta), amplificador Tojo e tweeters Selenium, daqueles retangulares, também.

Diferente? Sim! 

Legal? Também!

Pegaria placa preta hoje? Não!

Basicamente por causa das rodas, vejam vocês...