sábado, 14 de julho de 2012

BMW thru life

Pra gente que gosta e entende de carro é mais fácil explicar porque um é melhor do que o outro. Geralmente de modo técnico e recheado de termos que dificilmente são entendidos por quem não é do ramo. Seja por formação ou simplesmente por curtição.

Canso de falar que vivo cercado por gente que entende pra caralho bastante de automóveis, porque estudou o assunto formalmente e porque gosta mesmo do aspecto lúdico do brinquedão.

Não é racional mas a gente acaba passando a gostar mais de uma marca de carro em detrimento de outras. Isso é meio inexplicável assim como ter time de futebol e fumar determinado cigarro. Não tem necessariamente uma razão lógica. A gente gosta e pronto.

O video aí embaixo é dica do L.O., um cara que também gosta dos carros alemães, e tá aqui por causa de uma das observações do dono do BMW personagem principal: o caro parece ter sido esculpido a partir de uma peça só.