sexta-feira, 27 de abril de 2012

O pé do freio

Quase todo mundo usa o pé direito para frear. Mesmo em carros automáticos que só tem dois pedais.

Dois pedais, dois pés. Coincidência, não? Um pra cada um, com exclusividade. Igual kart. Me impressiona gente que corre de kart e não consegue frear suavemente com o pé esquerdo no seu carro automático. Mesmo porque tem curva que requer só uma temperada no freio mais com o intuito de transferir peso pra roda dianteira externa à curva do que diminuir a velocidade propriamente, sem redução de marcha.

Um bom exercício é começar uma freada longa com o pé direito, botar o esquerdo no freio, tirar o direito mantendo a mesma pressão com o esquerdo até terminar a redução pra velocidade desejada. Próximo passo, trocar o pé do freio várias vezes mantendo a mesma pressão durante a freada. Próximo, fazer isso com bastante pressão no pedal do freio.

(Favor fazer isso em local sem trânsito)

Tem que saber frear com a mesma destreza usando qualquer pé.

Alá o hermano Sergio Yazbik (não seria brimo?) freando com o pé certo num TC:


Depois eu falo um pouco sobre a progressividade na aplicação do freio.